46 de 101 – Quando todos duvidam de você…

Quando todos duvidam de você. 

Reprovação

O problema não é quando as pessoas em sua volta perdem a confiança em você, mas quando você começa a perder a confiança em si mesmo.

Quando tudo parece perdido, quando o chão desaparece debaixo dos seus pés, quando a noite chega e parece que não quer ir embora mais.

Quando as coisas dão furiosamente errado e todo mundo começa a apontar o dedo pra você, dizendo direta ou indiretamente que você é o culpado de estar dando tudo errado.

Quando as cartas de cobrança começam a chegar e o banco te nega crédito para pagar. Quando teu filho te pede um brinquedo e você não tem como comprar.

Quando todos a sua volta parecem estar crescendo cada vez mais enquanto você parece só afundar.

Quando bate aquela vontade de desaparecer, de sumir no mundo pra nunca mais voltar. Quando você pede aos céus um milagre e esse milagre não chega.

Enfim, quando você olha ao redor e percebe que deu tudo errado e você não vê mais caminho, não vê saída, e não tem a menor ideia do que fazer…

Essa é a hora de ser foda!

É muito fácil ser foda quando tudo está bem, quando você tem amigos ao seu lado. Quando todo mundo te dá tapinha nas costas e diz que você é o cara.

Quando tem dinheiro na conta e na carteira, quando todo o mundo te aplaude por qualquer besteira que você faz ou fala.

É muito fácil ser foda quando não precisa ser.

Mas sabe, isso não é ser foda. Qualquer um consegue ter sucesso em um cenário desses.

Quero ver dar discurso motivacional quando a casa está pegando fogo, como foi o caso essa semana da ong Amigos do Bem.

Ser foda é se levantar das cinzas e prosperar do nada, de novo e de novo.

Ser foda é não desistir mesmo contra tudo e todos. Mesmo quando todo mundo te olha de lado e cochicham sobre você pelos cantos.

Ser foda é fazer acontecer mesmo quando todo mundo diz que não vai dar certo.

ISSO É SER FODA!

Agora, você nunca será foda se duvidar de si mesmo. Se baixar a guarda e deixar que o clima tenso ao seu redor intimide você.

Sabe, especialmente pra você que é um empreendedor ou pretende ser, vai chegar uma hora em que vai dar tudo errado e todo mundo vai abandonar o barco.

E vai ficar só você ali, de pé, enquanto o barco afunda. Essa é a hora de ser foda.

Não perca seu tempo brigando ou sofrendo por conta de quem abandonou o barco. Não coloque a culpa em ninguém pelo seu fracasso, mas também não olhe no espelho e diga que a culpa sua.

A responsabilidade é sua, mas a culpa não.

Olhe nos seus próprios olhos no espelho e diga em voz alta para si mesmo: VOCÊ É FODA! E perceba a energia voltando pra você.

Não permita que ninguém diga que não é possível, que você não consegue. Mas especialmente, não permita que em seu diálogo interno, você diga a si mesmo que não é possível.

Quando tudo der errado, quando já não tiver mais chão, nem tempo, nem amigos e nem ninguém para manter você de pé, não permita pelo menos que a confiança vá embora.

Se você não tiver mais nada, mas ainda assim tiver confiança em si mesmo, você vai se erguer novamente.

É na hora que o bicho pega, na hora que o filho chora e a mãe não vê, na hora do “pega pá capa”, é na hora que o pau come que você prova o seu valor.

Tá difícil? Ótimo! Essa é a hora de mostrar o seu tamanho, o tamanho da sua força, mostrar o seu valor, mostrar quem você realmente é.

Eu sei quem você é.

VOCÊ É FODA!

Giordano Narada
maisdoqueideias

Artigos Relacionados


Giordano Narada

Giordano Narada é empresário, criador da maisdoqueideias, acredita que ideias são sementes de realidade. Idealizador de diversos treinamentos onlines, tem ajudado centenas de pessoas a construir renda a partir da Internet começando do zero, defendendo a ideia de que qualquer pessoa pode empreender se tiver apenas dois elementos simples: Vontade e Informação.

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *