36 de 101 – DÁ TEU JEITO! – Você é o adulto da casa agora

DÁ TEU JEITO! – Você é o adulto da casa agora. 

36 de 101 - DÁ TEU JEITO! - Você é o Adulto da Casa Agora

Ser adulto não é nada como a gente pensava que seria quando era criança, não é mesmo?

Eu pensava que quando fizesse 18 anos e tirasse minha carteira de motorista eu seria o rei do mundo.

O plano era morar sozinho, comprar meu carro e então poder sair quando eu quisesse, pra onde quisesse, voltar a hora que eu quisesse e não ter que dar satisfações a ninguém.

Me tornar um adulto seria mágico, eu pensava.

Mas, muito rapidamente, eu fui percebendo que ser adulto envolvia muitas responsabilidades. Era um negócio sério mesmo.

E quando eu fui caindo na real, comecei a procurar referências de adultos, e para minha surpresa, foi mais difícil do que eu pensava.

Eu tinha referências de bons professores, bons profissionais, bons amigos, bons escritores, bons músicos…

Mas inacreditavelmente, eu não conseguia encontrar uma referência de HOMEM.

Todos os homens que eu conhecia eram na maior parte do tempo um bando de moleques em um corpo crescido.

Na hora de tomar as decisões mais importantes da vida, de assumir o erro, de assumir a culpa, de assumir o filho, de assumir a bronca…

Na hora de assumir a responsabilidade e o controle de seu destino…

Na hora de honrar a palavra, de enfrentar seus medos, de honrar as calças…

Na hora de ser HOMEM com H maiúsculo, eu não encontrei ninguém para ser minha referência.

Eu tive que aprender errando, me machucando e machucando outras pessoas. Fingindo que sabia o que estava fazendo até quebrar a cara ou realmente descobrir o caminho a seguir.

E na verdade ainda estou aprendendo, meio que aos trancos e barrancos, tentando fazer o que é certo, o que é justo, o que é bom, mas nem sempre conseguindo.

E ao mesmo tempo, tentando ser para os que vieram depois, algum tipo de referência.

Como uma placa na estrada, indicando no mínimo o lugar para onde não se deve ir, ou se deve ter cuidado.

E hoje meu texto é sobre o que falta.

Faltam referências de HOMENS e MULHERES adultos, de fato. Não do tipo que é adulto no RG, mas do tipo que é adulto nas atitudes.

Quando eu era criança, passamos por sérias dificuldades financeiras. Houve um dia que almoçamos sopa de nada. Mas eu sabia que a minha mãe ia dar um jeito, sempre.

Eu não ficava preocupado porque ela daria um jeito, e ela sempre deu um jeito.

Ela era a adulta da casa.

Depois que eu cresci, me lembrei dessas situações e pensei, agora eu sou o adulto da casa.

Por mais incrível que possa parecer, isso não me deu medo, deu confiança. Se a minha mãe conseguia sempre dar um jeito, eu também consigo. Deve ser uma coisa que os adultos fazem, coisa que já vem no pacote.

Adultos sempre dão um jeito, e eu sempre dou meu jeito.

Dou meu jeito de pagar minhas contas, de assumir a responsabilidade pelos meus erros, de perseguir e conquistar meus sonhos, de pagar o salário dos meus funcionários para que eles possam pagar as contas deles…

Dou meu jeito de escrever um texto por dia, todos os dias, mesmo sentindo que precisaria de mais umas 10 horas no meu dia, porque acredito que o que eu escrevo faz a diferença para muitas pessoas que me leem todos os dias também.

Dou meu jeito de cuidar da minha mãe que cuidou de mim quando eu não tinha a menor ideia de como o mundo era.

Eu dou meu jeito.

E sinto que faltam mais adultos no nosso mundo, mais gente que dá um jeito de fazer seus sonhos acontecerem. E quando não acontecem, não colocam a culpa no governo ou na má sorte, ou ainda, na falta de oportunidades.

As crianças de hoje continuam crescendo sem referências de adultos, ainda achando que ser adulto é morar sozinho e ter seu próprio dinheiro para fazer o que quiser, poder dormir até tarde e comer a sobremesa antes do almoço.

Ser adulto é outra coisa.

Vou aproveitar essa série de 101 textos para falar um pouco sobre o que é ser adulto, na minha visão. Acredito que para muitos vai trazer um pouco de paz, como trouxe pra mim quando eu entendi o que é ser adulto.

Se você é Homem, seja HOMEM!

Se você é Mulher, seja MULHER!

Nada de ficar por aí choramingando pelos cantos porque ele ou ela foi embora, porque o dinheiro acabou, porque perdeu o emprego, porque o gás acabou, porque a doença chegou, porque a vida bateu com força…

DÁ TEU JEITO!

Você é o adulto da casa agora.

Giordano Narada
maisdoqueideias

Artigos Relacionados


Giordano Narada

Giordano Narada é empresário, criador da maisdoqueideias, acredita que ideias são sementes de realidade. Idealizador de diversos treinamentos onlines, tem ajudado centenas de pessoas a construir renda a partir da Internet começando do zero, defendendo a ideia de que qualquer pessoa pode empreender se tiver apenas dois elementos simples: Vontade e Informação.

Website:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *